{LIVROS EM AÇÃO} Todas Contra John

  • sábado, julho 01, 2017
  • By Aline Lanis
  • 1 Comments


Oie pessoas! Fazia um tempo que eu não vinha aqui indicar um filme não é mesmo?
Pois então, fim de semana passado eu acabei revendo esse filme que eu tanto assisti antigamente e olha... continua ótimo! Eu sempre fico com medo de rever filmes antigos e achar um porre porque eu não consigo mais me controlar e problematizo mesmo!! Mas, felizmente esse não foi o caso! yay
Quer saber mais sobre? Bora então que eu te conto!

Título Original: John Tucker Must Die
Gênero: Comédia
Direção: Betty Thomas
Duração: 89 minutos.
País: Estados Unidos
Ano: 2006

Descobri o Todas Contra John, um dos filmes que eu particularmente prefiro o nome em português do que o original, graças a um antigo amigo (saudades de você Breno, de verdade). Ele era completamente obcecado por séries e filmes adolescentes daqueles que tem todos os clichês possíveis sabem? Assisti muita coisa por causa dele, e agradeço pela maioria.

Nesse filme em questão, a história gira em torno de quatro garotas completamente diferentes umas das outras. Carrie é a chefe da TV da escola e integrante de vários outros clubes, Heather é a capitã das líderes de torcida e Beth é uma ativista vegana. Todas elas namoram John Tucker, o caro rico e popular e a estrela do time de basquete. Ele é um sedutor que manipula as garotas, ele escolhe garotas que não tem nada em comum para que assim elas nunca se falem e ainda joga uma conversinha idiota de que o pai dele o proíbe de namorar em temporada de basquete e por conta disso o namoro tem que ser mantido em segredo.

Calma, eu sei que só comentei de três garotas. Quem é a outra afinal?
A quarta garota é Kate, ela é uma garota normal e "invisível" que acaba de se mudar para aquela escola e logo descobre dos três namoros pois vê John com as três no restaurante em que trabalha. Mas, ela não interfere em nada e fica na dela. Mas no fundo já sente um ódio pelo rapaz já que o associa aos vários namorados de sua mãe, que vivem indo embora.

Mas a verdade vem a tona, óbvio.
Carrie comenta do seu namoro na aula de educação física, Heather escuta e fica putassa e começa uma briga com a garota. Beth tenta apaziguar mas acaba descobrindo também e começa um bela duma briga que eu não posso negar, adoro. Kate, que não tem nada a ver com as pitangas acaba entrando no meio de tudo e ainda diz a melhor frase do filme TODO: "Esse cara tá traindo todas vocês e ao invés de brigar com ele vocês estão brigando entre si?"



A partir daí, elas acabam se aproximando sem querer e desenvolvem um plano pra acabar com John e se vingar pelo que ele fez com elas. Elas tentam de tudo pra acabar com a reputação dele para que ele não consiga mais pegar nenhuma garota. Mas tudo que elas fazem, John consegue ressurgir das próprias cinzas. É até incrível. Até o torna mais desejável, então ele termina com o namoro com as três garotas. E é aí que a coisa realmente começa.

O plano muda e agora elas planejam uma transformação em Kate para que John se apaixone por ela só para que no fim, ele saia com o coração quebrado. Kate então passa de "zé-ninguém" para uma das garotas mais populares da escola. E John fica encantado por ela.

Te lembrou alguma coisa? 
Como eu acabei notando nessa última vez que assisti, o filme é muito parecido com Meninas Malvadas! Tem até cenas muito parecidas, como a reunião para descobrir como atingir ele ou ainda a reunião na casa da garota que não tem nada a ver com o assunto depois da primeira tentativa não ter sido um sucesso. Como eu comentei com a minha irmã: "é um 'Meninas Malvadas' um pouco mais feminista". Isso porque elas não estão tentando destruir uma garota e sim um cara. É até legal ver essa irmandade nas quatro, ao invés de brigarem entre si (como fizeram no começo).

É um filme bem "sessão da tarde" mas bem pensado. Não tem como não se divertir com as tentativas falhas de atingir John ou com a Kate tentando interpretar seu papel sem parecer uma idiota e claro, atingir seu objetivo que é conseguir ter o John em sua mão.

Apesar de ter sim coisas que dá pra problematizar facinho, como por exemplo o leve julgamento em cima de Beth que dormiu com John o que a faz sem a "fácil" do grupo, são coisas leves e não tão graves. Dá pra relevar de boas.

Mas se for pra citar um motivo de você dar uma chance para esse filme, esse motivo é Penn Badgley! Minha canetinha, o divo de Gossip Girl (que aliás, Breno também foi o responsável por eu ter começado a ver). Ele é o irmão mais novo de John e apesar de quase não aparecer, seu personagem é um fofo. E também dá pra dar umas risadas por causa do cabelo dele. hehehe



Mas também dá pra sentir dózinha e vontade de abraçá-lo já que ele curte a Kate e é obrigado a ver ela sair com seu irmão popular e gostosão... coitado.

Então é isso por hoje, espero que tenham gostado da indicação. Infelizmente, ele não está disponível na Netflix. Mas a gente dá um jeito né hahaha
Até mais!

You Might Also Like

1 comentários

  1. Seu amigo, Breno, é que nem eu. Sou louca por filmes de clichês de adolescente, ainda mais se a história se passar na escola (saudades HSM <3).
    Eu adorei o filme e já tá na minha listinha do final de semana para assistir. Onde tem o Penn, eu tô atrás :D
    Beijos

    Madamices

    ResponderEliminar