Top 5 melhores leituras de 2017

by - janeiro 28, 2018


Olá pessoal!

Seguindo esse primeiro mês preguiçoso de 2018 eu resolvi vir aqui e fazer duas postagens diferentes antes de retomar as resenhas do blog. A primeira é essa sobre minhas melhores leituras e semana que vem vou falar quais os livros que pretendo ler durante o ano.

Não sei vocês mas meu ano só começa mesmo em fevereiro... janeiro tudo anda meio devagar e nem minhas leituras conseguem caminhar no mesmo ritmo. É meio ruim mas eu tento não me forçar a nada que não vai ser legal para mim e por isso ainda não comecei as resenhas. Também nunca fiz esse tipo de postagens mas como o bloguinho é um hábito que eu tento sempre manter e ele ainda é um neném, aqui estou eu. Mas admito que pretendo sempre fazer esse tipo de postagens no começo dos anos que ainda estão por vir.

Fiz aqui um top 5 das minhas melhores leituras desse ano em ordem de amor mesmo. Eu não sou muito fã de separações assim mas resolvi fazer do mesmo jeito hahaha
Incrivelmente todos eles possuem um tema mais pesado e densa o que me deixou surpreendida pois eu nunca fui muito de ler livros assim, comecei de fato em 2017 e fico feliz que livros assim me cativaram tanto... aqui estão eles:


5º lugar

O Diário de Anne Frank - Quadrinhos, de Ari Folman e David Polonsky


Em 5º lugar ficou a adaptação em quadrinhos de O Diário de Anne Frank que foi uma das minhas últimas leituras do ano de 2017 e eu quase não consegui expressar em palavras o quão eu fiquei feliz de ter tido a oportunidade de ler essa adaptação tão bela. Ari Folman e David Polonsky conseguem trazer para a linguagem de Graphic Novel toda a essência, beleza e leveza de Anne e sua escrita. Não sou nenhuma fã de carteirinha de quadrinhos mas esse aumentou minha vontade pequena de ter mais contato com essa outra forma de contar histórias.
Você pode ler a resenha que fiz clicando aqui.

4º lugar 

O Planeta dos Macacos, de Pierre Boulle


Eu na verdade acabei ficando meio chocada de que eu fiz essa leitura esse ano, parecia que já tinha sido a anos! Bom, resolvi ler esse livro pois sou fã de carteirinha da franquia original de filmes baseado nele e sabia que era bem diferente e acabei completamente apaixonada, mas o amor pelos filmes (que depois do 2 ficam um pouco nonsense) continua firme e forte! O interessante dessa história são as questões trazidas pelo autor sobre nossa sociedade ao inverter os papeis de homem e animal.
Vale a pena e se quiser ler mais sobre o que eu achei é só clicar aqui.

3º lugar 

O Conto da Aia, de Margaret Atwood


Esse foi um livro extremamente importante para mim em 2017.
Acho difícil alguém não conhecer o livro nesse ponto já que a série lançada nesse ano pela Hulu trouxe a tona novamente a obra de Margaret Atwood que foi lançada em 1985 e continua atual até agora. Com uma mensagem pesada sobre como o mundo pode vir a ser devido a ignorância e sede por poder juntado com toda a cultura que seguimos de que mulheres são inferiores, o livro de Atwood é um soco no estômago e necessário no tempo atual em que vivemos. É assustador e encantador a narrativa dela.
A minha resenha pode ser lida clicando aqui.

2º lugar 

Precisamos Falar Sobre o Kevin, de Lionel Shriver


Outro livro que é soco no estômago atrás de soco no estômago é Precisamos Falar Sobre o Kevin, nele acompanhamos uma mãe tentando entender onde tudo começou a dar errado em sua vida. Ela é assombrada com o massacre que seu filho fez em uma escola e a culpa de que aquilo foi culpa dela como mãe. Sabe toda a romantização da maternidade que vemos em todos os lugares? Esse livro jogo no lixo tudo isso e mostra um outro lado da moeda. A narrativa é no mínimo interessante e vale a leitura, mesmo ela sendo incômoda.
Para ler a minha resenha é só clicar aqui.

1º lugar

Os Miseráveis, de Victor Hugo


Esse na verdade eu só terminei em 2017, isso porque eu comecei a ler na metade do ano de 2016 e resolvi dar uma pausa entre um tomo e outro pois quando acabei a primeira parte as provas estavam chegando e eu sabia que não largaria o livro para estudar haha Acabou que foi bom ter feito isso já que nesse ano eu fui assistir ao musical em São Paulo então a minha experiência foi mais legal ainda com a história fresquinha na cabeça. Acho que todos conhecem alguma coisa sobre a obra não é? Não vou nem me atrever a começar a falar real por aqui pois não terminaria nunca. Você pode ler minha resenha gigante, se preparem! por aqui. Só digo que esse se tornou o livro da minha vida facinho! Sou tiete louca por Les Mis 💚

Só torcendo para tudo ocorrer bem e o ano de 2018 ser lindo assim como esse foi em questão de leituras! 

You May Also Like

0 comentários